Dessincronia.

Quando te chamo sempre espero que a resposta seja rápida.

 

Mas não há como acertarmos o compasso.

Tua música toca em um tempo diferente da minha.

Tua dança é rápida, a minha é lenta.

 

A resposta vem um longo tempo depois.

E, mesmo sem querer, eu fico feliz.

Até o desapego é diferente.

 

Mas, pelo menos, agora escrevo com inspiração todos os dias.

E tu, não.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s